NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Thursday, April 24, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO Nº 49 "HISTÓRIA DE SANSÃO"

Chegou ao portal da cidade, retirou as pesadas travas, juntamente com as portas, pondo-as sobre os ombros, e levou as para cima até ao cume do monte que está em frente à Hebrom. Para os gazistas, aquilo foi de grande humilhação, pra eles, pois subestimaram a força e a esperteza de Sansão. Os filisteus já cansados de tanto atentar contra Sansão; e seus planos para pegá-lo sempre falhando, resolveram mudar de tática, pois tudo que tentavam sempre acabavam em frustração. Ao ver que Sansão se interessava por Dalila, procurou a e lhe fez a proposta de persuadi-lo para saber de onde vinha tanta força. E o que poderiam fazer, para amarrá-lo definitivamente, sem deixar que ele saísse ileso. Disseram eles: Cada um de nós te daremos um mil e cem moedas de prata. Dalila, não tendo nenhum vinculo de responsabilidade ou compromisso com Sansão, apesar de ter grande admiração pelo seu porte físico, os seus olhos se arregalaram diante de tanto dinheiro em sua frente, mesmo porque, precisaria trabalhar para ganhar a vida, e nem se trabalhasse a vida toda, mesmo assim não conseguiria ajuntar tanto. A partir daí, os seus planos para seduzir Sansão, eram os mais audaciosos possíveis. E Sansão se esquivava deles, na maior facilidade. Com todo fingimento, parecendo carinhosa com ele, disse ela: declara-me, peço-te, em que consiste a tua grande força, e com que poderias ser amarrado para te poderem afligir. Sansão responde com a maior naturalidade como se tivesse falando a verdade. Se me amararem com sete varas de vime fresco, que ainda não estiverem secos, então me enfraqueceria, e seria como a qualquer outro homem. Então os príncipes dos filisteus lhe trouxeram as sete varas, como Sansão havia falado, e amarrou-o com elas. Se divertindo à custa de Sansão, achando que desta vez havia pegado Sansão. E Dalila estava com eles, torcendo para que tudo acabasse logo e pudesse ter a certeza de que finalmente estaria rica. Então ela lhe disse: Os filisteus vêm a ti, Sansão; e mais uma vez fica decepcionada, pois Sansão sai das amarras, quebrando as varas de vimes, como se quebra o fio da estopa ao cheiro do fogo. Assim sendo mais uma vez não conseguiram ver e nem saber de onde vinha sua imensa força. Decepcionada, Dalila na intenção de comover Sansão veio toda carinhosa mostrando um falso interesse por ele, dizendo que o considerava tanto, e, no entanto ele estava zombando dela e mentindo, e reforça o seu pedido para que lhe contasse de onde vinha sua força. ---- EJO -------- Continua

1 comment:

Eni José de Oliveira said...

Esta história você encontra no livro de Juízes, a partir do capitulo 13