NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Friday, November 28, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 186 "QUEM PODE CONTRA O DEUS VIVO E VERDADEIRO? CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA"

186

Estando todo o material de primeira necessidade para dar início a reconstrução do templo do Senhor.
Com muita garra, animação e determinação, cada profissional em sua área, tudo se desenvolvia a toque de caixa para que tudo estivesse pronto o mais rápido possível, para assim poderem cultuar ao grandioso Deus.
Quando ainda no princípio da obra, os edificadores lançaram os alicerces do templo do Senhor, fizeram uma grande festa, vieram os sacerdotes com instrumentos de sopro, e os levitas com saltérios, para louvar ao Senhor, conforme à instituição de Davi, rei de Israel, cantavam repetidas vezes, louvando e celebrando ao Senhor; porque é bom, porque a sua benignidade dura para sempre sobre Israel.
E todo o povo jubilou com grande júbilo, quando louvaram ao Senhor, pela fundação da casa do Senhor; comovendo os mais idosos, a ponto de chorarem em alta voz, lembrando da casa do Senhor construída por Salomão, e que fora destruída pelos reis mal caráter da época, e queimada pelo rei Nabucodonosor, rei de Babilônia, em vista de tanta abominação ali encontrada e tudo faziam para contrariar a vontade Deus.

Mas, muitos dos que estavam ali presentes, levantaram suas vozes com muito júbilo e com muita alegria, de maneira que não conseguiam discernir quem estava cantando ou que estava chorando, porque o pranto dos idosos se misturava com o júbilo dos mais novos, era tão grande o júbilo que se ouvia de longa distância.....

                              --- EJO ---- Continua




NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 45

Capítulo 45

Daniel -- (Entrando) Passei lá no escritório e me disseram que você teria vindo pra cá, estou precisando de umas informações, a respeito da recepção no aeroporto, será que é possível você telefonar pra eles me pegarem lá, como você sabe eu nunca sai de casa é a primeira vez, e com uma responsabilidade desta...

Mauro -- Não vai me dizer que vai amarelar logo agora?

Daniel -- Claro que não, você acha que vou perder a oportunidade de resolver minha vida?
Mas, se você ligar pra me apanhar, naturalmente que vamos ganhar tempo, e como você sabe, tempo é dinheiro.

Mauro -- Claro, Claro, vamos lá ao escritório que preciso te entregar uns documentos pra você levar e entregar no departamento de pessoal do hotel. (Saíram)
---------
O almoço foi um sucesso, todos ficaram muito satisfeitos, e fizeram uma bela homenagem a Daniel em sua despedida, demonstrando assim uma verdadeira amizade que tinham por ele.
-----
O tempo passou, e Daniel se relacionou muito bem com sua nova atividade na China, e finalmente chega o grande dia dos casamentos, três comemorações ao mesmo tempo, os dois casamentos mais a comemoração do Natal.

Era um grande movimento de gente entrando e se movimentando, que mais parecia um formigueiro, a felicidade estava estampada nos rostos de todos os presentes, tudo isto acontecendo depois de serem realizados os casamentos civis e religiosos. Agora é só festa na mansão,

                                                              ---- EJO ------- Continua 



Thursday, November 27, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 185 "NÃO ADIANTA TEMER AO SENHOR, SE CONTINUAR COMETENDO OS MESMOS ERROS"

185

Sete meses se passaram desde quando regressaram para Jerusalém, e sentiram a necessidade de se retratar perante Deus reconhecendo tudo quanto praticaram de errado, e se reúnem para um
grande sacrifício ao Senhor, e todo povo se reúne como se fosse uma só pessoa. Todos no mesmo sentimento.
Josuá, filho de Josadaque, juntou-se com os seus irmãos e os sacerdotes e edificaram um altar ao Deus de Israel, para oferecerem sobre ele um holocausto como está escrito na lei de Moisés, o homem de Deus.
Com sua consciência pesadas se sentiam aterrorizados, e precisava o quanto antes, se aliviar de suas culpas, por causa das maldades dos povos da terra, todos se sentiam com uma parcela de culpa.
Mediante a tanto temor, sabendo-se que estavam todos vivendo segundo suas próprias vontades, esquecendo se do Deus verdadeiro, e fazendo tudo que parecia mal perante os olhos do Senhor.
Estando o altar pronto agora era hora de redimir de todas as suas culpas, e ofereceram holocaustos sobre o altar ao Senhor Deus de seus primeiros pais, o Deus de Israel de Abraão e de Isaque, de Jacó e outros.
E ofereciam holocaustos de manhã e a tarde, e celebraram a festa dos tabernáculos, como está escrito: ofereceram holocausto de dia em dia, por ordem conforme a necessidade de cada assunto  correspondente as suas culpas e suas desobediências, cada uma delas, tinha que ser perdoadas, mediante ao holocausto segundo o costume da época.

E depois que tinham suas conciências limpas perante Deus, os holocaustos continuavam, agora com novo propósito de estar sempre na presença do Senhor, e deliberaram que toda lua nova deveria acontecer o holocausto ao Senhor em solenidade, e consagrando suas vidas e tudo o que pudesse oferecer de ofertas voluntárias ao Senhor.

                        ---- EJO ------ Continua

              

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 44

Capítulo 44

São dez horas da manhã, Julia na cozinha, comanda o grande almoço de despedida de Daniel.
--------
D. Maura -- Julia, faz o melhor que você puder, pois estamos esperando visitas importantes, e os amigos de Daniel também foram convidados pra este almoço, e como a consideração que eles têm por Daniel é muito grande, temos que estar preparados para receber todos eles.

Mauro -- (entrando) O pessoal do escritório também vão vir, eles adoram uma boca livre, e todos eles gostam muito de Daniel, e querem estar neste almoço.

Dona Maura -- Mas afinal de conta. O que é que você está fazendo aqui neste horário, você não tem costume de aparecer nesta hora, o que está havendo?

Mauro -- Calma mãe, nada demais, eu me esqueci de colocar o computador no carro, e vim buscá-lo agora.
Onde está o Daniel? Será que ele está sabendo que a China nesta época do ano é muito fria, pra ele que não conhece nada lá, é aconselhável se prevenir aqui.
A hora que ele chegar à senhora diz a ele pra ir lá ao escritório, que preciso passar pra ele uns detalhes muito importantes que precisa saber.
E o pai, está em casa ou está no clube de golfe?

Dona Maura -- Nem num lugar nem no outro, passou aqui uns irmãos lá da igreja, e o levou para uma reunião de emergência:
Seu pai está muito estressado e estas reuniões fazem muito bem pra ele, quando se trata do trabalho do Senhor ele não mede esforços e sempre está disposto para fazer o que vier as suas mãos.
Você já parou pra pensar o quanto é bom para a nossa saúde fazer aquilo que gostamos,
Pois é, o seu pai faz o que gosta e ele está certíssimo, se todos agissem como ele, este nosso mundo seria outra coisa.
Ele não deve demorar a chegar, pois sabe da hora do almoço, até lá já chegou, tem algum assunto lá no hotel que precisa dele?

Mauro -- Não mãe, deixe o papai descansar em paz ele já entregou toda responsabilidade dos negócios pra eu resolver, só perguntei por que preocupamos com ele.
A presença dele é muito importante, pelo respeito que ele passa para todos nós.
Todos nós aprendemos muito com ele, mas, entendemos que agora somos nós que temos de encarar os negócios, ele já trabalhou demais e é justo que descanse.

O Daniel está chegando, vou falar com ele.

                                       ---------- EJO --------- Continua




Wednesday, November 26, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 184 "MUITA DISPOSIÇÃO NA CONSTRUÇÃO DA CASA DO SENHOR EM JERUSALÉM"

184

Então se levantaram os chefes dos pais de Judá, e os sacerdotes e os levitas, com todos aqueles que o espírito de Deus despertou, para subirem e construir a casa do Senhor que está em Jerusalém, porque a casa do Senhor que Salomão havia construído foi destruída e queimada, porque havia caído em abominação do povo naquela época.
Todos queriam ver a casa do Senhor restabelecida, e não mediram esforços para ver de novo o santuário para que pudessem orar e louvar ao seu verdadeiro Deus.
E todas as solicitações do material de construção, foram adquiridos, inclusive vasos de ouro e de prata, mais fazenda com gado, e com coisas preciosas, e tudo que pudesse vender e ser transformado em dinheiro, para adquirir outros matérias que porventura, haviam de buscar fora do domínio de Jerusalém.
Também o rei Ciro, rei da Pérsia, tirou os vasos da casa do Senhor, que Nabucodonosor havia trazido de Jerusalém, e que tinha posto na casa de seus deuses.
Muita coisa Nabucodonosor havia retirado da casa do Senhor em Jerusalém, além dos vasos de ouro e de prata foram recolhidas do templo de Nabucodonosor, trinta bacias de ouro, mil bacias de prata e vinte e nove facas, trinta taças de ouro, quatrocentos e dez taças de prata e de outra espécie, e mil outros vasos.
Todos os vasos de ouro e de prata foram cinco mil e quatrocentos, que foram levados de volta a Jerusalém, de onde nunca deveriam ter saído.

Quando Jerusalém estava de novo reerguida, então o povo que Nabucodonosr havia levado para Babilônia para serem seus escravos, volta cada um para suas casas.

                            ------- EJO ----- Continua 

              

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 43

Capítulo 43

Durante a viagem teve que trabalhar duro para pagar a sua comida, mas o preço da passagem teria que se acertar depois que chegasse lá, e naturalmente depois que seu pai tomasse conhecimento de sua situação.
Como geralmente os navios sempre ficam aguardando vários dias para se descarregarem os empregados sempre tem uns dias de folga, então o comandante escala alguém para acompanhar Marcio até sua casa, para receber a passagem.
Trabalhando em sol escaldante na limpeza do navio por estes dias todos, e usando a mesma roupa, estava parecendo mais um mendigo do que uma pessoa normal, ficando totalmente irreconhecível para se apresentar, a seu povo.
-------
Enquanto isto na casa de Marcio chega o dia em que Daniel tinha que embarcar para assumir a gerencia do hotel na China, estava de casamento marcado para o dia vinte e quatro de dezembro, que seria realizado junto com o de Mauro e Patrícia.
Desde o dia de seu noivado que o Sr. Dinho lhe fizera a proposta de ir para China, ele e Julia não tiveram um dia se quer sem estudar pra valer o idioma Chinês e também como administrar o tal hotel.
Naturalmente que teriam de se sacrificar, pois teria de deixar pra trás a sua amada Julia, para ir trabalhar em um país distante e voltar na véspera do casório, sabia que dias difíceis haveriam de vir, mas jamais desistiria, era ainda jovem e não podia perder esta oportunidade, e além do mais podia contar com a ajuda de Mauro que se dispôs em ajudá-lo para facilitar seu aprendizado.

Mesmo sabendo que teria, de voltar logo em seguida depois da festa, e que teria de passar sua lua de mel no trabalho, mas mesmo assim estava satisfeito, pois sabia que tinha um futuro brilhante esperando por eles.

              --- EJO ---- Continua





Tuesday, November 25, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 183" AUTORIDADE QUE INTERESSA É A QUE VEM DE DEUS, O RESTO E RESTO"

183

Os vasos de ouro e de prata e todo tesouro do templo foram levados para Babilônia.
E a casa do Senhor foi queimada e derrubaram os muros de Jerusalém e todos os seus palácios
foram destruídos e queimados, como também destruíram todos os vasos preciosos do palácio.
E os que conseguiram escapar das espadas foram levados para Babilônia, e foram transformados em escravos do rei de Babilônia e de seus filhos.
----- Autoridade vinda de Deus
Não sejam envergonhados por minha causa, aqueles que esperam em ti, ó Senhor dos exércitos: Não sejam confundidos por minha causa aqueles que ti buscam, ó Deus de Israel.
Porque por amor de ti tenho suportado afrontas. Salmo 69 v 6e7-------
Para que se cumprisse a palavra do Senhor através do profeta Jeremias, até que a terra se agradasse dos seus sábados; todos os dias da desolação, repousou até que se cumprisse os setenta anos.
Porém no primeiro ano de Ciro, rei da Pérsia, para que se cumprisse a palavra do Senhor, despertou o Senhor o espírito do rei, o qual fez passar e anunciar por todo seu reino, como também por escrito, dizendo: Assim diz Ciro rei da Pérsia.
O Senhor Deus dos céus, me deu todos os reinos da terra, e me encarregou de construir uma casa em Jerusalém, que está em Judá; quem há entre vós de todo seu povo, que teme ao Senhor seu Deus, e que o seu Deus seja com ele, suba a Jerusalém que é em Judá, e ajude a edificar a casa do Senhor de Israel; Ele é o Deus que habita em Jerusalém.

E todo aquele enviado de Deus, que por onde passar ou em que andar peregrinando, os homens deste lugar o ajudarão, com prata e com ouro e com fazenda e com gados, afora às dádivas voluntárias, para casa do Senhor que habita em Jerusalém...

                        ------- EJO ------- Continua

                  



NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 42

Capítulo 42

A Viagem de Marcio de volta pra casa estava sendo muito problemática, em vista de suas condições físicas, pois não conseguia se alimentar direito, e estava adoecendo.
Já havia andado a pé um bom pedaço de terra, mas chegou uma hora que suas resistências já estavam minando de seu corpo e resolveu aproximar de uma casa nas redondezas; apesar de seu estado de miséria, foi recebido, pela bondade de seus moradores:
Expõe a sua situação, e compadeceram dele dando lhe de comer, não tendo como pagar pela comida e pela hospedagem, se ofereceu para fazer pequenos serviços, pelo menos até ganhar mais forças para prosseguir viagem.
Não negaram seu pedido, mas eles também não tinham muito que oferecer, pois o dono da casa era pobre e trabalhava em uma pocilga na região.
Mas, ofereceu para apresentá-lo ao proprietário que o admitiu de imediato, uma vez que para aquele tipo de serviço a mão de obra era escassa, ninguém queria prestar a esse tipo de serviço, e estava realmente precisando desta mão de obra, sua necessidade de sobrevivência era tão grande que teve momentos que teve de se alimentar até mesmo da própria comida dos porcos.
Depois de alguns dias de trabalho, conseguiu o que precisava, e com o pouco que ganhou ali; já deu para pagar a sua alimentação e até mesmo para pagar passagem de um bom trecho de sua viagem em ônibus, e sempre de cabeça baixa para não ser reconhecido, mas, ainda estava longe de casa.
Agora era conseguir um jeito de embarcar no navio cargueiro que estava prestes a zarpar com destino ao seu País de origem.
Tinha que negociar com o comandante e passar pela humilhação de explicar sua situação.
E depois de dizer de quem era filho, foi aceito de imediato, pois o senhor Dinho era conhecido em toda parte, pelo status de sua personalidade.
No período que trabalhou na pocilga, deu pra comprar pelo menos uma muda de roupa daquelas mais baratas.
Podendo assim se apresentar um pouco melhor no meio das pessoas e já não estava tão mal cheiroso.

O percurso da viagem duraria cerca de dezessete dias, sendo que aquele dia era trinta e um de novembro, considerando a possibilidade de algum atraso na viagem, fez as contas; e pensou!... Se tudo der certo devo chegar em casa próximo ao natal.

                 ---- EJO ---- Continua




Monday, November 24, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 182 "BLASFEMAR CONTRA O SENHOR É O MESMO QUE PROCURAR A MORTE"

182

Não tendo condições de reinar, aí sim as autoridades superiores assume o seu reinado durante um ano e no decorrer deste ano, as coisas só pioraram.
Em vista de ver a situação calamitosa em que se encontrava Jerusalém, Nabucodonosor, manda seus súditos que levassem o pequeno rei para Babilônia, e também para não correr nenhum risco de desaparecimentos daqueles vasos tão preciosos, foram recolhidos do templo do Senhor e levado para o templo de Nabucodonosor.
Aí então Nabucodonosor, coloca Zedequias, irmão de Joaquim o pequeno rei para ocupar o reino de Jerusalém.
Só que pouco adiantou porque ele também era de péssimo caráter e não quis dar ouvidos aos conselhos do profeta Jeremias, que falava em nome do Senhor, e nem por um instante se humilhou diante de Deus.
Como se isto não bastasse, rebelou contra o rei Nabucodonosr que estava ajudando a governar Jerusalém, e de maia a mais, não reconheceu o juramento de Nabucodonosor, que fizera diante de Deus para coroá-lo rei.
E cada vez mais endureceu seu coração e não se converteu ao Senhor, Deus de Israel.
Em um país desgovernado tudo pode acontecer, e as transgressões contra o Senhor estavam de mal para pior, aumentando a ponto de chegar ao limite máximo da paciência de Deus.
Também todos os chefes dos sacerdotes, e o povo de maneira geral estavam conspirando contra Deus, segundo todas as abominações dos gentios e contaminaram a casa do Senhor, que Ele tinha santificado em Jerusalém.
E os mensageiros do Senhor, Deus de seus pais, veio lhes de madrugada a lhes falar em nome de Deus, na esperança de que reconhecessem seus erros, porém ao contrário do que esperavam, foram criticados, com grande zombaria contra os mensageiros de Deus, e desprezaram suas palavras e ainda vaiaram os mensageiros de Deus, até que o furor do Senhor veio sobre eles e sobre todo povo que blasfemavam contra o Senhor.

E assim Deus fez subir contra eles o rei dos caldeus o qual matou todos os jovens  à fio de espada, e não tiveram piedade nem dos mancebos e nem das donzelas, nem dos velhos, nem mesmos os velhos já em fase terminal, todos foram entregues nas mão do rei dos caldeus.

             ------ EJO -------Continua



NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 41

Capítulo 41

Sucupira -- Mesmo não merecendo, vou levá-lo a julgamento, espero que você entenda que também estou fazendo o meu trabalho.

Mac -- Ninguém vai por as mãos em mim...
--------
Tenta tocar a campainha, mas é impedido pela agilidade de Sucupira, e lutam ferozmente, e em um descuido seu, ficou com o pescoço entre os braços fortes de Sucupira, que foi apertando até acabar de vez com sua respiração.
Sucupira, ao notar que já não havia mais perigo de reação, colocou-o de volta a sua cadeira, de maneira que se chegasse alguém ali, iria imaginar que estivesse cochilando, saindo, ele ajeita os amarrotados de sua roupa, puxando a porta de volta e fala em voz alta para chamar a atenção dos demais que estavam na recepção.

Sucupira -- Foi bom fazer negócio com você, adeus!

Sai imediatamente e entra no carro que já estava o aguardando na frente do estabelecimento, e mais uma vez Sucupira sai ileso e sem deixar nada que o identificasse, e o mais importante é que tirou da sociedade mais um monte de lixo sujo e inimigo da lei.
Longe dali, no esconderijo da quadrilha, o corpo de Heitor, tinha acabado de chegar, e Sucupira disfarçado o acompanhou de longe, ficou a espreita observando o movimento da quadrilha, e pôde ouvir a conversa dos bandidos.
Na hora em que preparou o corpo de Heitor para ser devolvido a quadrilha, colocou um transmissor de voz em seu corpo.
Então pode ouvir os planos da quadrilha, que consistia em fugir dali o mais depressa possível, considerando, que, já que Sucupira sabia do endereço, não iria demorar a aparecer.
Em vista disto, sucupira dá um telefonema para Raquel e ela agiliza a policia local para apanhar toda a quadrilha de surpresa de uma só vez.

E sem demora a policia entra em ação, por terra e pelo ar para não deixar Margem para escapatória de ninguém, e neste confronto Sucupira, simplesmente assistia tudo sem precisar entrar em ação, e nenhum dos elementos da quadrilha escapou da justiça, todos foram mortos tentando escapar da policia e com isso Sucupira vinga todas as vítimas destes maus elementos.

                  ---- EJO --- Continua



Friday, November 21, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 181 "QUANDO UM REI TRAZIA EM SUA BAGAGEM UMA BOA EDUCAÇÃO, SEU REINADO ERA BEM SUCEDIDO, MAS AO CONTRÁRIO, SÓ HAVIA DECEPÇÃO"

181

O povo de Jerusalém coroa Joacaz, seu filho para reinar em seu lugar, só que seu reinado não teve nem tempo de mostrar serviço, pois foi deposto pelo rei do Egito que condenou a terra a contribuições de cem talentos de prata  e um talento de ouro.
E o rei do Egito pôs a Eliaquim seu irmão para reinar em Jerusalém e Judá e mudou seu nome de Eliaquim para Joaquim, mas Joacaz, o rei deposto, irmão de Eliaquim capturou Neco e o levou para o Egito.
Era Eliaquim, agora com nome de Joaquim com vinte e cinco anos de idade, quando começou a reinar, e reinou onze anos em Jerusalém.
E reinou contra os princípios do Senhor; foram onze anos de penúria para o povo, porque não soube administrar segundo a vontade de seus pais, e principalmente fazendo tudo errado contra a vontade de Deus, e com  esses atos irresponsáveis, conseguiu fazer inimizade entre os reis da vizinhança .
Nabucodonosor o rei de Babilônia capturou-o e o amarrou fortemente para levá-lo a Babilônia.
E, além disso, não perdeu tempo e levou consigo alguns vasos de maior valor da casa do Senhor, e colocou-os no seu templo em Babilônia.
Pouca coisa se sabe sobre o rei Joaquim, os seus atos e às suas abominações e tudo que praticou e tudo quanto se achou a seu respeito, foram registrados nos livros dos reis de Israel e de Judá.
Naturalmente que seu reinado não serviu de exemplo para ser copiado pelo seu filho que também se chamava Joaquim que foi o seu sucessor, com idade tenra de apenas oito anos.
Nota-se a irresponsabilidade dos maiorais do governo da época, o que uma criança de apenas oito anos de idade tem na cabeça para tomar tamanha responsabilidade.
Ele até podia ser coroado, porém o reino teria que ser administrado por pessoas idonias e responsáveis, e o pior é que o povo por causa da tradição se desdobrava em reverência e obedecia em tudo o que ele mandava.

Como não trouxe consigo uma herança bem sucedida de seus pais, no sentido do bem viver, só fazia o que era mal aos olhos do Senhor, durou pouco tempo o seu reinado; apenas três meses e dez dias em Jerusalém.

           ------- EJO ------- Continua

             

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR CAPÍTULO -- 40


Capítulo  --  40

Mac Zahawrs, um elemento de alta periculosidade, de origem mista, filho de mãe Alemã e de pai Russo, foi expulso de sua corporação, por insubordinação, é um sujeito inescrupuloso e de péssimo caráter.
Ultimamente, depois que deixou a corporação, se aliou a grupos que não são nem um pouco santinho, montou um escritório de investigação particular, e trabalha para quem lhe pagar mais; quando era de seu interesse prestava serviços para a policia, e vendia as mesmas informações para grupos de terroristas, por um preço bem convincente, dificultando assim a ação policial.

Se ele soubesse o que havia acontecido na biblioteca, talvez não esperasse por ninguém, como Sucupira gosta de fazer surpresa achou que era o momento especial para lhe fazer uma visitinha.
Sucupira se caracteriza de empresário Sírio, e fica completamente irreconhecível, tendo facilidade para se aproximar e passar pelos seguranças sem o menor empecilho.
Mac estava cabisbaixo fazendo algumas anotações, quando olha por cima da armação de seu óculo se surpreendendo com presença de Sucupira.

Mac -- (Sem conhecer quem estava diante de si, porém lembrando-se da presença de Sucupira na região, ficou na duvida!...) O que deseja senhor, como o senhor entrou sem ser anunciado? 

Sucupira -- A sua secretária estava muito ocupada, e eu disse pra ela que era seu amigo, e também não esperei dela a resposta, e segui em frente, como vai Mac, tem algumas informações quentes para me passar? Hoje estou preparado para pagar um bom preço se o que você tiver for mesmo muito importante.

Mac -- (Se refazendo do susto, e da duvida, então o senhor é o famoso Sucupira, que vem tirando o sono dos que querem se dar bem na vida!...) Olha, eu trabalho com investigações, trabalho duro para conseguir as informações que meus clientes precisam, então é justo eu receber por elas, você não acha?

Sucupira -- Claro!... Claro, é muito justo receber pelo seu trabalho, do contrário ninguém queria fazer nada nesta vida, naturalmente que todo trabalho tem seu mérito, principalmente quando é feito honestamente.

Mac -- (Arregala os olhos, entendendo muito bem o que ele quis dizer) Bem! Eu procuro defender o meu lado, e acho que todos pensam assim, se o cliente estiver disposto a pagar o que eu cobro, não vejo nada de mais.

Sucupira -- Mesmo que seja pra matar alguém?

Mac -- Aonde você quer chegar com esta conversa?

Sucupira -- A explosão do hotel no Oriente Médio, pelo que consta em nosso relatório, foi você que passou as informações para os terroristas.
Em algum momento você se preocupou com o que poderia acontecer com aquelas pessoas inocentes que hospedavam naquele hotel?
Por este e outros crimes você tem uma grande divida com a justiça e com a sociedade e deve ter percebido, que vim aqui cobrar esta divida.


Mac -- O que você Pretende fazer?

                                                      ---------- EJO --------- Continua



Thursday, November 20, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 180 "QUANDO OBEDECEMOS A VOZ DE DEUS, TUDO FLUI EM NOSSO FAVOR"

180

Tendo em vista da obediência do povo, Josias agora já podia celebrar a páscoa do Senhor em Jerusalém, agora realizada em janeiro no dia quatorze, dividindo as tarefas para cada sacerdote, cada um em seu posto de trabalho, segundo a sua capacidade, confirmando e incentivando em seus ministérios da casa do Senhor.
Disse também aos professores levitas que ensinavam a todo o Israel, e estavam consagrados ao Senhor, dizendo:
Ponde a arca sagrada do Senhor na casa que Salomão, filho de Davi edificou, tirando assim a responsabilidade dos ombros dos professores levitas.
Porém a recomendação permanece de que deveriam servir ao Senhor Deus  e a seu povo de Israel.
É muito bom quando o governo acha o lado certo de governar, tudo flui atendendo a necessidade do povo, infelizmente o que vemos em nossos dias, é só corrupção e desrespeito para com o povo.
Simplesmente porque não procuram estar na presença de Deus, e muito menos pedir sua ajuda.
Querem governar de acordo com seus interesses, e quem fica prejudicado é sempre a classe mais frágil, e acabam se esquecendo que com Deus não se brinca, e que vão ter que acertar contas com Ele, mais cedo do que se espera.
Grande foi a festa da páscoa em Jerusalém naqueles dias, desde os tempos de Samuel, não se via tanta empolgação, nenhum rei de Israel ou nenhum rei das redondezas, celebraram uma páscoa com tanta gente feliz, como nos tempos do rei Josias, precisamente aos dezoito anos de seu reinado.
Quando tudo parecia que as coisas iam bem, surge Neco, rei de Judá que também era temente a Deus.
E Josias o crítica, provoca-o tanto a ponto de ofende-lo e parte para a ignorância e seus flecheiros dispara contra ele, ferindo-o de morte, foi levado as pressas para Jerusalém, porém não resistiu os ferimentos e veio a falecer.
E o sepultaram nos sepulcros de seus pais; e todo Jerusalém chorou sua morte, e fizeram luto por Josias.
Ele era tão querido pela população, que reuniram os cantores e cantoras da época para cantar em sua homenagem, e Jeremias fez uma lamentação sobre o seu corpo, e todos os cantores e cantoras falavam dele em suas lamentações, e em seus cânticos; estas lamentações são lembradas até os dias atuais, porque foi lavrado em ata e tranformado em lei em Jerusalém.

Quanto a mais dos sucessos de Josias, e as sua beneficências, conforme está escrito na lei do Senhor, os seus sucessos, tanto no começo de seu reinado, como no fim estão registrados no livro dos reis de Israel e de Judá.

             ---- EJO ---- Continua

                

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 39


Capítulo 39

Heitor desconcertado tenta sair, mas ao tentar abrir a porta, teve a grande surpresa de encontrá-la trancada, logo que entrou na sala, ela foi trancada por fora, mas Sucupira tinha uma cópia; eles que tanto armaram em cima de Sucupira, agora eram eles as vitimas da emboscada, quando viu que não conseguia sair, tentou pegar Sucupira de surpresa, que foi um tremendo erro, por que ao menor sinal de pegar a arma. Sucupira já tinha lhe jogado um punhal que mais parecia uma flecha com destino certeiro.
Atravessando a sua garganta, tudo aconteceu no mais profundo silencio, sem despertar a atenção de ninguém,
Sucupira puxou o cadáver para debaixo de uma prateleira, escondeu o bem, limpou toda sujeira e saiu pelos fundos.
Percival saiu logo em seguida com Rebeca; chegando a um lugar seguro ligou para a policia local dando as coordenadas de onde os demais bandidos da quadrilha que estavam com o Heitor estavam entrincheirados.
Como disse antes, eles morrem, mas não se entregam, e com isto mais alguns lixos vão saindo de circulação.
A policia não tomou conhecimento do cadáver escondido, e mais tarde Sucupira volta e acerta os termos para devolver aquele infeliz, ao destino da quadrilha, com um bilhete, que dizia mais ou menos assim:


 A minha família e todos os inocentes que morreram na explosão do hotel, vão ser vingados, cada um de vocês vão ter que acertar contas comigo, é claro que vocês sabem quem sou e estou seguindo os passos de cada um de vocês.
---------
O informante espião duplo na lista de Sucupira, ele já sabe quem é.

Agora já era mais uma tarefa de alto risco para Sucupira, pois ele bem sabia que iria encontrar ali um bando de bandidos perigosos, que lhe dava cobertura em seu jogo duplo, bem burro este cara, pois além de ter Sucupira na sua cola, tinha também que prestar obediências à organização.

                      ----EJO ---- Continua



Wednesday, November 19, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 179 "AS BÊNÇÃOS DO SENHOR SÃO INESGOTÁVEIS, ELE TRABALHA TODOS OS DIAS EM NOSSO BENEFÍCIO, NOSSA OBRIGAÇÃO TAMBÉM É SERVI-LO TODOS OS DIAS"

179

Depois de ouvirem todo relato da profetiza, voltaram a se encontrar com o rei Josias.
Esclarecendo ao rei tudo o que ouvira da profetiza, o rei convoca e ajuntou a todos anciãos de Judá e Jerusalém, também reuniu toda sociedade, desde o maior até o menor dos moradores para ouvir o que Deus disse através de sua palavra escrita no tal livro da lei que havia perdido, e foi achado.
E assim depois que o povo-se reúne no local indicado, o rei assume a palavra, e fala ao povo tudo o que havia escrito no livro, e da maldição que estava por vir sob as cidades  de Judá e Jerusalém, e incentiva ao povo a fazer um concerto com Deus.
Com o compromisso de andar na presença do Senhor, e obedecer todos os seus estatutos e mandamentos, e dando seu testemunho de arrependimento, e que tudo teria que ser feito com sinceridade de coração e com toda sua alma, confirmando assim as palavras que disse ao se fazer o concerto perante Deus, diante das palavras que estão escritas no livro.
Depois de esclarecer toda a vontade de Deus para aquele povo, Josias pede que se coloquem de pé, em concordância com todas as palavras ali expostas, e todos concordaram com o pedido de Josias, e se prontificam a ajudar Josias em todas as suas
exigências.
E assim começa a árdua tarefa de tirar as abominações que existia em toda terra que era dos filhos de Israel.
E todos quantos se achavam em Israel, estavam cientes da nova lei exposta por Josias que com tal culto servissem ao Senhor, seu Deus todos os dias.

E obedecendo a recomendação do rei que servissem ao Senhor todos os dias, e assim o fizeram.

               ------ EJO ----- Continua

             

 

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 38

Capítulo 38

Heitor -- Senhorita, por gentileza; tenho um encontro marcado para este local às dez horas falta muito pouco e não estou vendo a pessoa com quem marquei esse encontro.

Rebeca -- Olha senhor, a pouco chegou aqui um senhor com esta mesma conversa e disse que ia esperar na sala de espera, quem sabe não é a pessoa a quem o senhor procura.
Se o senhor quiser poderá chegar até lá e constatar se é a pessoa a quem procura.

Heitor -- Muitissímo agradecido senhorita, você foi muito gentil, uma outra hora venho aqui com mais tempo para convidá-la a um drink, se a senhorita quiser, é claro.

Rebeca – Naturalmente, volte sempre.
-------------
Heitor entra na sala de espera, e vê uma pessoa atrás de um jornal, Sucupira fazia todo possível para se esconder o máximo para deixá-lo na duvida.
Como a sala de espera servia também para leitura, ele imaginava que poderia ser outra pessoa, até que decidiu interromper a leitura, puxando assunto com Sucupira.
-----------
Heitor -- O senhor é...

Sucupira -- Eu já sei quem são vocês, o que querem comigo?
---------------
(Fala menosprezando seu adversário continua lendo seu jornal e observando o com o canto do olho, sem ao menos dar a ele chance de olhar em seus olhos, pois um óculo escuro e grande cobria a maior parte de seu rosto)
--------------
Heitor -- Eu venho em nome da organização lhe fazer uma proposta, que lhe poderá render muito dinheiro.

Sucupira -- Que tipo de proposta mandaram me oferecer?

Heitor -- Eles querem te dar uma oportunidade na organização. Olha! Pelo visto querem te dar um cargo de confiança, e será muito bem pago.

Sucupira -- Bom!... Eu para aceitar qualquer proposta de trabalho preciso saber o que vou fazer e com quem estou lidando, dependendo de estarem de acordo com minhas exigências, porque não; devo procurar a quem?
---------
Se fazendo de interessado, a intenção era pegar os nomes dos chefões da dita organização, e onde poderia encontrá-los, depois que Heitor passou para ele todas as informações, ele muda o rumo da conversa...
---------
Sucupira – Você se lembra daquele dia onze de novembro, mais precisamente às quatro horas da tarde, segundo o que me informaram, vocês invadiram a minha casa e mataram minha família; estou certo?
---------
Heitor leva um tremendo susto com esta constatação, e treme de medo, fica amarelo que nem maracujá maduro, mas tenta desviar o assunto.
----------
Heitor -- Eu não estou entendendo o que você está falando, eu não sei nada disto.


Sucupira -- Sabe sim, eu já te conheço a mais tempo do que você imagina, e não adianta querer se justificar, eu acho muita estupidez da parte desta organização pensar que eu aceitaria qualquer tipo de transação com ela.

            ----- EJO ------- Continua



Tuesday, November 18, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO N º 177 "POR DESCASO DE REIS ANTERIORES, A PALAVRA DE DEUS FICOU ESCONDIDA POR MUITOS ANOS, DEIXANDO O POVO SEM ORIENTAÇÃO ESPIRITUAL"

177

Dinheiro guardado e sem uso

E leram no livro, na lei de Deus: e declarando, e explicando o sentido, faziam que, lendo, se entendessem. Neemias 8 v 8
O Rei se alegra em tua força Senhor, e na tua salvação grandemente se regozija, cumpriste-lhe o desejo do seu coração, e não desatendeste as súplicas de seus lábios.
Pois o provês das bênçãos de bondade; pões na sua cabeça uma coroa de ouro fino.  --  Salmo 21 v 1 a 3

-------

E assim foi recolhido todo o dinheiro que estava guardado com os levitas, ofertas de todo povo de Israel e de Judá para dar inicio a reconstrução da casa do Senhor.
Essas ofertas foram divididas entre os trabalhadores, cada um com suas funções, como também ao mestre de obras que tinha a responsabilidade de correr atrás do material necessário para a grande reforma.
Importante observar a satisfação que estes homens trabalhadores, executavam suas tarefas, sob a administração de seu mestre de obras.
Quando Hilquias o sumo sacerdote, foi buscar o dinheiro que estava depositado com os levitas, coisas de muitos anos atrás, junto com o dinheiro, no fundo do baú estava o livro da lei do Senhor, dada por Ele a Moisés.
Feliz da vida Hilquias disse ao escrivão, achei o livro da lei na casa do Senhor, e o entregou ao escrivão.
E o escrivão levou o livro ao rei, e deu conta também ao rei de tudo o que os operários estavam fazendo na reforma do templo,  dizendo: Teus servos fazem tudo direito como foi recomendado.
E ajuntaram todo dinheiro que se achou na casa do Senhor, e o deram na mão dos trabalhadores, e ao mestre de obra.

O escrivão leu o livro perante o rei, e emocionado, vendo a sua insignificância para com Deus, em sinal de humildade rasga a sua roupa, e manda Hilquias e a todos aqueles que o servia, incluindo o escrivão e a Asaías ministro do rei dizendo: Ide e consultai ao Senhor por mim e pelos que restam em Israel e em Judá, sobre as palavras deste livro que foi achado; porque grande é o furor do Senhor; que se derramou sobre nós; porquanto nossos pais não guardaram a palavra do Senhor; para fazerem conforme tudo quanto está escrito neste livro.

            ------ EJO ---- Continua

     
 

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 37


Capítulo 37

Continuação da fala de Sucupira:

Ninguém que se presta a asse tipo de bandidagem se preocupa com o certo ou errado e tudo o que acontecer pra eles tanto faz viver ou morrer, e não tem compaixão com ninguém e o pior que muitas pessoas inocentes, mulheres e crianças pagam o preço de suas ignorâncias, bom já falamos tudo que precisamos, vamos por nossos planos em prática.
Vamos lá para a biblioteca agora, e vamos fazer um levantamento de todas as possibilidades de tudo que poderá acontecer para não por em risco pessoas que não tem nada a ver com isto.
Para que ele não saiba de onde estamos ligando vamos telefonar de lá por meio de celular, ou melhor, acho que devemos ligar da rua, através de um orelhão, assim tira qualquer possibilidade de dar errado; vamos agilizar rápido que a hora está passando.
------
Já depois de ter marcado o encontro, e no local combinado, todos a postos.
Do andar de cima por uma fresta da janela, Sucupira viu quando chegaram.
E viu também quando Heitor distribuía seus homens em seus pontos estratégicos e passando as instruções de ação.
 Após esta constatação Sucupira, por meio de celular entra em contato com Rebeca na entrada da biblioteca, que se fazia passar por recepcionista.

Heitor subia calmamente a escadaria como se nada de grave passasse por sua cabeça, chega à larga porta da biblioteca, e lança um olhar conquistador para Rebeca, sem imaginar quem ela seria, aproximou se dela para se informar, e com toda presteza foi atendido.

                     ---- EJO --- Continua



Monday, November 17, 2014

DEUS NO COMANDO DE TUDO - N º 176 "A REBELDIA SEMPRE TRAZ SÉRIAS CONSEQÜÊNCIAS "

 176

Amon filho de Manassés, quando começou a reinar tinha vinte e dois anos, reinou apenas dois anos, da pior maneira possível, e tudo fazia para desagradar a Deus, e não procurou servir em momento algum segundo o que Deus determinara.
Quando Manassés retirou as imagens de escultura do templo do senhor, ele teria que destruí-las, e não o fez, e Amon traz todas elas de volta para o templo, e jamais reconheceu a sua insignificância para com Deus, e a cada dia multiplica a sua insubordinação, conquistando o desafeto de seus servos, que conspiraram contra ele, e o mataram em sua casa.
O mal feito não para por aí, porque em vista do acontecido, o povo se revolta contra os conspiradores e os matam.
Para substituir Amon, o povo elege seu filho Josias com apenas oito anos de idade , para reinar em seu lugar.
Seu reinado foi muito bem sucedido, porque aprendeu que precisava buscar ao Senhor Deus, o Deus de Devi  e de seus antepassados, e fazia tudo corretamente como nos tempos de Davi, procurando sempre estar na presença do Senhor, colocando as suas dificuldade e seus problemas nas mãos do Senhor.
Quando chegou a maior idade de dezoito anos, começa a purificar a Judá e a Jerusalém, e tudo que servia par cultuar a outros deuses, assim como imagem de esculturas, vasos que queimavam incensos em sacrifícios, a idolos, tudo, tudo foi destruído, queimado e transformado em pó, que foi espargido sobre as sepulturas dos que tinham sacrificado.
E os ossos dos sacerdotes mortos pelo mando de seu pai Amon, foram queimados sobre os altares, a fim de purificar a Judá e a Jerusalém.
O mesmo aconteceu nas cidades de Manassés, de Efraim, de Simeão, e ainda até Nafitali e em todas as regiões ao redor.
Depois de ter acabado a sua missão de purificação às cidades, volta para Jerusalém.

Dezoito anos se passaram desde quando assumiu o trono, sentiu que precisava reparar o templo do Senhor, e convoca todos os homens de sua confiança para esta tarefa tão importante.

                ------ EJO ---- Continua





NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO -- 36

Capítulo 36

Enquanto, Rebeca se entende com Heitor, Sucupira descansa dentro de uma banheira de massagem, com sais minerais e com tudo o que tem direito, mediante a aquele conforto todo e seu corpo pedindo um pouco de paz, acabou dormindo dentro d’água, só acordou quando foi chamado pela senhorita Rebeca.
---------
Rebeca -- Vamos Sucupira, temos trabalho pela frente.

Sucupira --Você me chama na hora mais gostosa do sonho, acredite que estava sonhando com minha família, e parecia tão real, que não queria acordar.
Quando você me tocou, pensei que fosse a minha esposa, e mesmo depois de acordado o meu subconsciente, não queria me desmentir, pois os pensamentos estavam muito longe dali e não queria voltar à realidade de tudo o que aconteceu. (Fala com certa melancolia) Aqueles canalhas que destruíram minha família, vão pagar caro, eu não descanso enquanto não por as minhas mãos em cada um deles; bem mudemos de assunto porque mesmo que me acordou?

Rebeca -- O tal do senhor Heitor insiste que quer falar com você de qualquer jeito, ele disse que é assunto de seu interesse.
Eu tomei bastante tempo dele enquanto o Percival rastreava seu telefone, já constatei e realmente o numero que ele me deu estava checando com o numero do hotel onde se hospeda, agora é com você a decisão.

Sucupira – Bem!... Vou marcar esta reunião para as dez horas da noite, mas nós vamos pra lá duas horas antes, assim evitaremos qualquer imprevisto.

Rebeca – Mas, aonde pensa que vai marcar este encontro, se você não conhece nada aqui?

Sucupira  -- Tenho um endereço aqui que vai calhar para este encontro, eu ainda não conheço lá pessoalmente, só por fotos pela internet, é a biblioteca pública, neste horário quase não tem movimento lá.
E, além disto, tem um senhor apartamento anexado à biblioteca, onde mora este meu amigo que a administra.
E ele será mais um aliado nosso.

Rebeca -- De onde você conhece este seu amigo?

Sucupira  - Nós trabalhamos juntos, na França, numa missão muito perigosa, ele é um sujeito de muita coragem, mas agora está aposentado e veio trabalhar aqui na Inglaterra, mas sempre nos comunicamos através da internet.
Bom, agora podemos voltar ao assunto do encontro com este marginal; Rebeca, você ficará na entrada da biblioteca e procura investigar todo suspeito, naturalmente que ele vai fazer o possível para passar despercebido, por isto toda atenção é pouca.
Tenho certeza que este infeliz está querendo armar pra cima de mim, mas na hora que ele chegar vai ter uma grande surpresa...

Percival -- Temos que levar em conta, que não estamos lidando com amador, e que tudo pode acontecer, se nós estamos nos prevenindo, precisamos entender que eles também não são idiotas.
Para não corrermos riscos e nem chamar a atenção, vamos deixar aqui nossos equipamentos, e pedir ao amigo de Sucupira que venha buscar pra nós.
E que cada um de nós precisamos nos caracterizar de forma bem diferente do que estamos acostumados, nós podemos não conhecê-los, mas, eles sabem muito bem quem somos, o fator surpresa, sempre foi e sempre será uma arma poderosa, e precisamos estar atentos a qualquer tipo de surpresa, e revertê-la em nosso favor.


Sucupira -- Eu gosto de você e não é atôa, você custa falar, mas quando fala, fala acertado, vamos seguir a risco tudo quanto falou, garanto que ele não virá sozinho, e são perigosos.

               ------ EJO ---- Continua