NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, November 11, 2014

NUNCA É TARDE PARA VOLTAR -- CAPÍTULO - 32

Capítulo 32

Sucupira -- Então foi por isto, que descobriram o endereço do Marcio, filho do meu amigo Edson Carvalhare, o Marcio deu uma rasteira neles e eles vingaram, e o pior é que morreram muita gente inocente.

Voz da TV. -- Espero que você ponha um fim nas atitudes destes mal feitores, por hoje é só o que temos a tratar. Tudo o que você precisar você entende com a Srta. Rebeca, ela estará a par de tudo, e vai ser seu cicerone, vai estar a seu lado a todos os momentos, desculpe a maneira que foi recebido, mas não tínhamos outra alternativa, obrigado por sua compreensão.
---------
Naquele mesmo instante longe dali, em uma cidadezinha pobre, sem a mínima infira estrutura, onde pra se conseguir alguma coisa, pra se alimentar ou outro produto de prioridade, tinha-se que dispor de muito dinheiro por pouca coisa.
E ali se encontrava o Marcio, que teria vindo parar ali para se esconder, e se encontrava em um verdadeiro estado deplorável, gastando as suas ultimas economias, passando por necessidades nunca vistas antes, pois durante toda a sua vida.
A única coisa que sabia fazer e muito bem, era gastar dinheiro de sua família.
Em sua vida nunca se dera o trabalho de procurar alguma coisa de útil pra fazer, pois tinha tudo a tempo e a hora, enquanto seu irmão que era mais velho se desdobrava em trabalhar.
Que situação em!... E agora o que fazer, desde quando saiu de casa, nunca se preocupou em economizar, jamais iria imaginar que chegaria a aquela situação, e o Roberto coitado, será que ficou entre os mortos, tudo passava em sua cabeça como se fosse um filme aguardando o seu final.
Depois de muito pensar e analisar a situação chegou à conclusão que teria de voltar pra casa, mas como, seu dinheiro chegara ao fim e a distância que o separava de sua casa era muito grande.

Seus amigos já não existiam mais, as mulheres que diziam ser suas amigas, e até mesmo a que se referia ser seu grande amor também, nem sabia por onde andava, pensou, pensou e decidiu:

                ------ EJO ----- Continua


No comments: