NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Friday, July 18, 2014

A GRANDE PROMESSA -- CAPÍTULO 05

 05

Cenas na casa de Abrão

Abrão -- É… Estou cansado, o trabalho hoje foi duro (se assenta e coloca as mãos cruzadas sobre a nuca comprimindo os dois antebraços contra a cabeça).

Sarai -- O que te aflige meu amado?

Abrão – É!... Realmente estou mesmo muito preocupado, ás vezes fico pensando… (faz uma pausa), você é a melhor parteira que já conheci em toda a minha vida, um grande numero de crianças desta região, passaram pelas suas mãos; você deve sofrer muito, ver tantas crianças dos outros e não consegue me dar um filho! Você é mesmo diferente de todas as mulheres, nunca vi tanta resignação!...

Sarai -- Não se preocupe com isto meu amado; se sou estéril, porque é da vontade de Deus, ele sabe muito bem o que faz; estou pensando seriamente, em permitir, que você tome uma de nossas servas como mulher; quem sabe ela não lhe dará um filho…
                                                                            
 Abrão -- (desconcertado) Nem pensar uma coisa desta, eu a amo muito, e não quero fazer nada que possa magoar você, se você não é fértil, é porque Deus quer assim, você mesma disse, portanto você não tem culpa de nada, é como diz; Deus sabe o que faz, e porque faz tudo o que acontece conosco.

Sarai -- É; se Deus tem um plano para nós, devemos entender que fazer uma viagem desta, que ele te ordenou, carregando criança no colo não seria nada fácil; vamos em primeiro lugar obedecer o seu mandado, chegando lá nós vamos ver o que fazer.

Abrão -- A cada dia que passa, eu te admiro mais; você sempre me passando mais confiança; Você é muito especial pra mim (e lhe dá um beijo), então vamos dormir porque amanhã bem cedo, temos que partir, e será uma longa viagem.

Sarai - Mas como assim bem cedo, não temos que nos organizar para a viagem?

Abrão -- É claro, mais tem que ser o mais o mais cedo possível, Deus quer que deixemos tudo, vamos levar somente o necessário para a nossa sobrevivência, o resto Ele proverá.


Chegada à nova terra, muita gente em cena, com aspecto de cansaço, cenário apropriado, em cena alguns animais pra chamar a atenção.

Abrão -- (todos já estão fora de cena ficando apenas Abrão e Ló)… Ló reúna todos os homens e ajude a organizar e levantar as tendas; enquanto eu faço o altar de adoração para o nosso Deus, depois venham para reunirmos frente ao altar e prestar a Ele a homenagem que só Ele merece; pois temos muito que agradecer.

Ló -- É... O pessoal, já está tomando as providencias, se o Senhor Não se importa, gostaria de ajudá-lo a construir o altar.
Concordo plenamente, que precisamos em primeiro lugar agradecer ao bom Deus pela viagem e pela proteção que nos tem dado.
Depois vou ajuntar-me com os outros, pois temos muito que fazer; não podemos perder tempo... (Faz uma pausa)... Mas tio este altar está ficando uma beleza, espero que fique do agrado de nosso Deus!... Pronto... Agora, é só marcar a hora de reunirmos todos para adorar-mos a Ele.
Vou dar uma força aos outros para acabar logo de montar as tendas, e avisar a todos que o altar já está pronto.

Ló se afasta e deixa Abrão a sós.


Voz de Deus -- Abrão… A tua semente darei a esta terra; a tua geração será tão grande, que será impossível de se contar.

Abrão -- Mas Senhor, como será possível se sarai minha mulher é estéril?


Voz de Deus -- Não se preocupe Abrão, isto será resolvido no momento certo… EJO ------ Continua


No comments: