NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, July 07, 2015

DEUS NO COMANDO DE TUDO - P/66 "Quando amamos alguém queremos sempre o melhor pra ele, estar sempre perto e prontos para qualquer emergência, ou pelo menos estar em sintonia com os acontecimentos do seu dia a dia. Também Jesus era assim, ele se preocupava com seus amigos, tanto que quando recebeu a noticia da morte de Lazaro deixou tudo o que estava fazendo e se prontificou logo em voltar à aldeia onde moravam seus amigos. Mesmos colocando a sua própria vida em risco, pois quando saiu da Judéia ele foi praticamente expulso de lá, pois não aceitavam os seus ensinamentos e ainda o Acusavam de blasfemador, e procuravam para matá-lo por causa disto"


                         DEUS NO COMANDO DE TUDO

                          VOLUME ---  02  --  PARTE --  66


(Leia sempre o final do texto anterior, para dar sentido ao atual)

Então o rei manda chamar os magos, os astrólogos e os encantadores, e os caldeus, para que declarasse ao rei o que significava aqueles sonhos.
De um a um veio a presença do rei, cada um com suas idéias mais estapafúrdia, e cada um querendo fazer média com rei falava coisas absurdas e desconectadas.
Pelas quais o rei passou a ameaçá-los com pena de morte e suas casas seriam destruídas, o rei continua, dizendo que aquele que interpretar os sonhos corretamente, grandes dádivas, e grande honra, lhe seria dada.
Cada um querendo enrolar o rei e ganhar tempo, mas o rei não era nenhum idiota e entendeu logo as suas intenções.
E disse o rei: Percebo muito bem que vós quereis ganhar tempo, porque vedes que o que sonhei me tem escapado.
Por conseqüência, se me não fazeis saber o sonho, uma só sentença será a vossa; pois vós preparastes palavras mentirosas e perversas para proferirdes na minha presença, até que se mude o tempo: portanto dize-me o sonho, para que eu entenda que podeis dar a sua interpretação.
Os sábios e magos do rei, entendendo que não conseguiria a interpretação dos sonhos de Nabucodonosor, relata ao rei que somente um dos deuses que não era da linhagem de homens, poderiam dar a ele a interpretação correta dos significados de seus sonhos.
Nabucodonosor se irrita com os sábios e magos de todo o seu reinado, desiludido dizia que não havia motivo para tal profissão se eles não conseguiam satisfazer suas vontades para interpretar seus sonhos; e lança um decreto para que todos os sábios, magos, mágicos e adivinhadores de seu reinado deveriam morrer, uma vez que eles não falavam a verdade em suas interpretações.
O prefeito, com sua humildade de diante do rei pede para que não se apressasse em sua decisão, e pediu um prazo maior para pensar antes de agir com esta medida, e com isto teve tempo suficiente para ter com Daniel e falar sobre a decisão do rei, explicando todos os menores pontos a serem discutidos, para que pudesse se defender a ele e seus amigos.

Mais que depressa Daniel vai à presença do rei e pede um tempo para que ele pudesse dar a interpretação correta de todos os seus sonhos, e assim poder ter consciência do significado dos sonhos; e tomar as atitudes cabíveis para cada interpretação.

                              ----- EJO ----- Continua




No comments: