NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Friday, July 10, 2015

DEUS NO COMANDO DE TUDO - P/69 "A maior prova de amor já demonstrada: foi o sacrifício de Jesus Cristo, em remissão de nossos pecados; pelo imenso amor de Deus aos pecadores, porque Deus não quer que ninguém se perca, mas que arrependam-se de seus pecados, e goze a paz e a felicidade eterna."


                      DEUS NO COMANDO DE TUDO

                           Volume -- 02  --  parte  --  69

(Leia sempre o final do texto anterior para dar sentido ao atual)

Quanto ao que viste de ferro misturado com o barro de lodo, misturar-se-ão com semente humana, mas não se ligarão um ao outro, assim como o ferro não se mistura com o barro.
Mas, nos dias destes reis, o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído, e este reino não passará a outro povo: esmiuçará e consumirá todos estes reinos, e será estabelecido para sempre. (Nesta parte do sonho Deus estava referindo ao reinado de Jesus Cristo, o rei eterno)
Da maneira como viste que do monte foi cortada uma pedra, sem uso de mãos, e ela esmiuçou o ferro, o cobre, o barro, a prata e o ouro, o Deus grande fez saber ao rei, o que há de ser depois disto; e certo é o sonho, e fiel a sua interpretação.
Depois que Daniel deu a interpretação do sonho de Nabucodosor, veio em seu rosto (O rosto de Nabucodonosor) o temor por pensar em todas as palavras de Daniel, e entendendo minuciosamente cada detalhe, sentiu que precisava fazer alguma coisa por Daniel, e em agradecimento lança a seus pés, e o adora, e ordena que lhe fizesse uma boa oferta de gratidão, com uma boa alimentação, com perfumes  caros e suaves.
Nabucodonosor, reconhecendo que o Deus de Daniel era poderoso, e que nenhum outro deus feito por homens, seria ou fizesse qualquer coisa parecida com o que o Deus de Daniel, o Deus forte e verdadeiro, tinha capacidade de fazer.
Pois o Deus de Daniel era e é superior a qualquer um ou a quer imagem que se fizer passar como um deus, porque o Deus verdadeiro não é hipócrita e, além de ser supremo e poderoso é também amoroso, e justo.
Ele é o Deus sobre todos os deuses, é o Senhor dos reis, é o revelador dos segredos, pois revelou todos os segredos dos sonhos de Nabucodonosor.
Depois de serem esclarecidos todos os segredos dos sonhos; Nabucodonosor engrandece a Daniel, dando-lhe poderes como governador e chefe de toda província de Babilônia, como também por principal governador de todos os sábios.
Pedindo Daniel ao rei que colocasse os seus amigos, Sadraque, Mesaque e Abednego, nos negócios da província de Babilônia, e ele, Daniel ficasse como líder de todos, ou seja, tudo que girasse em torno do reino, ficaria por conta dos quatro.
Enquanto se tem a dor o sofrimento e a frustração, a personalidade humana tem um comportamento de promessas, dizendo que se tudo fosse resolvido de maneira a se satisfazer, ele faria mundos e fundos para a dita pessoa que o ajudou, ou faz votos em pagar promessas.
Algum tempo depois passado estes sufoco, ele esquece por completo tudo o que prometeu, e suas ações deixam a desejar.

O rei Nabucodonosor, esqueceu por completo tudo o que havia prometido a Daniel, e mesmo sabendo que o Deus de Daniel era superior a qualquer deus feito por homens, resolve fazer uma estátua de ouro de sessenta côvados de altura e seis de largura, foi feita e levantada em lugar privilegiado de Babilônia.


                                    ----- EJO ----- Continua




No comments: