NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Friday, December 16, 2016

O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS - P/55 --- Continuação -- "Quando acontece verdadeiramente à transformação, os pecados são lavados, e então passa a se sentir mais leve e aliviado. Para comparar o peso do pecado, retratamos o versículo cinco do cap.1 de Jonas, o peso da desobediência e do pecado de Jonas eram tão grandes que mesmo depois que jogaram fora toda a mercadoria e tudo aquilo que poderia servir de peso no navio. Mesmo assim o navio continuava sujeito a partir-se ao meio em vista do grande temporal. No momento em que se livraram de Jonas, tudo voltou à calmaria. Afinal tudo o que estava no navio não era tão pesado quanto ao pecado e a desobediência de Jonas"


    O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS

                       PARTE - 55

 A felicidade de quem está sempre na presença de Deus, é vista de maneira contagiosa.
E devemos permanecer nesta felicidade, pois sem Deus, jamais conseguiremos concretizar nossos objetivos de maneira satisfatória, aliás, tudo que tentarmos fazer sem pedir orientação de Deus, só pode resultar em decepção.
O preço da Desobediência:

“Mas a indignação e a ira aos que são contenciosos, e desobedientes à verdade e obedientes a iniqüidade.
Tribulação e angústia sobre toda alma do homem que obra o mal” Romanos 2 v 8 e 9

O povo de Israel, por estar sempre desobedecendo às ordens de Deus, vivia em constantes apuros.
Apesar de Deus ter uma grande consideração ao povo, pelo grande apreço que tinha pelos seus antepassados, constantemente era preciso chamar a atenção por suas desobediências, muitas vezes até com certa dureza, deixando os passar por situações penosas, para que pudessem ver seus erros.
E por causa disto eram sempre alvo dos filisteus, e numa grande batalha foram derrotados, e deixaram que os filisteus seqüestrassem a arca do concerto do Senhor dos Exércitos, que habita entre os querubins: e os dois filhos de Eli que tomavam conta da arca, foram mortos.
Os guerreiros dos filisteus levaram a arca para seu arraial, e um dos homens de Israel filho Benjamim, fugiu do campo de batalha e veio trazer a noticia para Eli.
Eli; homem já de idade avançada, sua vista já pouco valia pra ele e não suportou em saber da morte de seus filhos, teve uma crise nervosa e caiu da cadeira para trás da banda da porta e quebrou o pescoço, e morreu em vista de ser um homem muito pesado, e sendo velho não resistiu à queda.
Eli esteve à frente do povo de Israel, a quarenta anos, sua nora estava grávida, e muito fragilizada, quando soube da morte de seu marido e de que a arca do Senhor havia sido sequestrada, e também mediante a morte de seu sogro; a pressão foi tanta que ali mesmo deu a luz, e de tanta dor, e sem ter recursos necessários, também não resistiu e morreu.

As mulheres que estavam com ela, tentando reanimá-la e para lhe trazer certo conforto disseram: Não temas, pois tiveste um filho, nestas alturas, dos acontecimentos, pra ela não fazia nenhuma diferença, pois já estava morta.

                                
                      ---- EJO ---- Continua




No comments: