NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, June 27, 2017

O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS - P/191 -- CONTINUAÇÃO "Muitas vezes oramos e não recebemos resposta de imediato, isto porque para solução de problema existe a hora certa, qualquer tipo de pressão vai nos desviar da realidade de Deus, pois nem tudo o que agente acha que é certo e espera, está correto para os olhos de Deus, Se sabemos o valor da oração, sabemos também, que Deus nos atende segundo as nossas necessidades, visto que Ele conhece cada uma delas, se oramos é porque esperamos e confiamos"


              O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS

                                          PARTE -- 191

Durante a leitura da lei de Deus, declarando e explicando o sentido da leitura, faziam que, lendo se entendessem.
Na medida em que a leitura ia sendo feita, o peso na consciência de cada um realçava em seus semblantes, e a emoção tomou conta de todos, fazendo-os a se desmancharem em prantos e choros de arrependimento.
Neemias, o sacerdote Esdras, e os levitas que ensinavam a lei de Deus para todos que estavam ali presentes, conclama a todo povo dizendo:
Este dia é consagrado ao Senhor vosso Deus, portanto pedimos a todos que não lamenteis, nem choreis.
E, completando, dizia para que todos se alimentassem, e levassem comida para os que não tinham nada preparado, e lembrando sempre que aquele dia estava consagrado ao Senhor, portanto não havia motivos para se entristecerem, e que deviam estar alegres e não tristes, pois assim estariam também alegrando ao senhor Deus.
Os levitas foram mais radicais com suas palavras, dizendo:
Calai-vos, porque esse dia é santo, por isso alegrai-vos e não entristeçais.
Mediante as palavras dos levitas, tomaram a decisão de irem se alimentar, e todo povo foi comer, e a beber, e fizeram grandes festas, porque entenderam as palavras que ouviram, e que lhes fizeram entender.
No dia seguinte uma grande reunião dos maiorais da cidade, dos anciãos, dos sacerdotes, os levitas e Esdras, o escriba *escritor ou anotador*, para analisar as palavras do livro da lei.
E acharam escritos na lei que o Senhor ordenara, pelo ministério de Moisés, que os filhos de Israel habitassem em cabanas, nas solenidades das festas no sétimo mês, e fizeram proclamação por todas as cidades e em Jerusalém, dizendo:

Saí pelos montes e trazei ramos de oliva, ramos de zambujeiros, e ramos de murtas e ramos de palmeiras, e ramos de árvores espessas para fazer cabanas, como está escrito.

                                       ---- EJO ----- Continua


No comments: