NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, April 28, 2015

DEUS NO COMANDO DE TUDO V/2 -P/16 "A reciprocidade faz parte da família feliz, todos vivendo uns pelos outros."

16
Amor, atração física, e paixão: esses fatores não têm nada a ver um com o outro, cada um age de forma diferente em nossas vidas.
Tem relacionamento que dura à vida toda, mas’ não existe o amor verdadeiro, o que existe é tolerância e responsabilidade em vista de terem se precipitado em suas escolhas, e não buscaram a Deus.
Assim sendo o compromisso de um com o outro tem que ser respeitado para o bem estar de todos.
Cada um se esforçando para entender melhor o outro e assim promover a harmonia no lar.
Vemos a contradição que existe entre, amor, e a paixão.
A paixão traz insegurança. O amor traz confiança.
A paixão provoca o desespero. O amor serenidade.
A paixão traz sentimentos excessivos e desconfianças, muitas vezes até violentos.
O amor transmite a paz à alegria o controle emocional.
A paixão provoca ansiedade, fixação, desejos exorbitados, e obsessão pelo impossível.
O amor traz ternura, sensibilidade, bondade, mansidão, piedade, caridade, compaixão e gera compreensão, facilitando o bom relacionamento entre as pessoas.
Para que possamos ter uma boa qualidade de vida, precisamos a cada dia a cada momento reverenciar o amor, pois é dom de Deus, e nunca pode faltar em nossas vidas.
Seria bem melhor se em toda a vida conjugal, o amor verdadeiro fosse à base fundamental, tudo ficaria muito mais fácil e a felicidade e a paz seria motivo de orgulho para o resto da família.
Construindo um relacionamento onde a base principal é o amor o sucesso é sempre garantido: pois Deus está sempre presente ajudando endireitando o que estiver errado, e orientando, pois o amor verdadeiro vem Dele e ele sempre quer o melhor para seus filhos.
O amor gera amor e compreensão e traz estabilidade e convicção em seus objetivos.
Em muitos casos querem se justificar que fulano ou beltrano matou alguém por amor, e isto não é verdade, porque para quem ama de verdade não existe motivos que venham a justificar tal violência.

Quando acontecem casos assim, é porque estão exatamente confundindo os dois fatores, porque quem ama de verdade não mata, as causas de tais acontecimentos, são exatamente a falta de amor e confiança de um para o outro, e ai vem a insegurança a ansiedade a obcessão o desespero e o descontrole emocional, trazendo sérios danos as pessoas envolvidas e isto são frutos da paixão inconsequente.

                                    ----- EJO ------- Continua



No comments: