NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, April 28, 2015

O CAÇADOR DE CORRUPTOS-CAP-43

Capítulo -- 43
------------
Tudo nos conformes, como manda o figurino, e logo após o casório não perderam tempo, e já de passagem e passaporte em mãos aguardavam ansiosos a hora do embarque.

Na segunda feira já estavam em plena Miami, felizes em um hotel cinco estrelas gozando das mordomias de uma lua de mel dos seus sonhos.
Ficaram tranquilos, como se o mundo girasse em torno deles, pra eles não existiam mais ninguém na face da terra.
Mas, a hora chega e precisa agir, deixa a sua amada no hotel, e vai fazer seu primeiro contato.
------
Vinicius -- (Na casa de Roberts) já estou te esperando e já faz um bom tempo, o que está acontecendo, está evitando falar comigo, por quê? Por acaso tem alguma coisa contra mim?

Roberts -- Que isto meu amigo, estou apenas um pouco cansado, quer tomar alguma coisa para apagar a péssima agonia da espera?

Vinícius -- Você sabe muito bem que não bebo destes venenos, não sei porque insistem em me oferecer?

Roberts -- Vejo que você está mal humorado, o que está acontecendo, não há nada mesmo que eu possa lhe oferecer pra te tranqüilizar?

Vinicius -- Eu é que te pergunto você não tem nada pra me falar? (deixando o em duvidas)

Roberts – Que tipo de história que você gostaria de ouvir? Só se eu inventar uma que te agrade!

Vinicius – Tenho certeza que você tem a história que eu gostaria de ouvir, por exemplo, a história de um lugar deserto cheio de pedras um helicóptero, um volume...
---
Ao ouvir as ultimas palavras, Roberts amarelou.
---
Roberts -- Seja mais claro, não estou entendendo nada!

Vinicius -- Tenho certeza que sabe muito bem o que estou falando e está entendendo muito bem porque estou aqui.

Roberts -- (desajeitado e nervoso anda de um lado pro outro sem saber o que dizer) Tem certeza que não há nada que eu possa lhe oferecer? (Tentando mudar o rumo da conversa)

Vinicius -- Sente-se aí e fique quieto, não estou aqui em uma visita de cortesia, mas sim a trabalho.

Roberts – A trabalho? O que você quer de mim?

Vinícius -- Saber afinal de contas pra quem você trabalha.

Roberts -- Ora essa; trabalho no mesmo comando que você trabalha, ta me estranhando?


Vinícius -- Que você faz parte do mesmo comando eu sei, mas sei também que você é um agente duplo, um covarde, um traidor.

Roberts -- Alto lá como você pode provar isto?

Vinicius tira de sua maleta um disquete e coloca no aparelho de Roberts, na medida que ia passando as cenas, Roberts ia se descontrolando.

Roberts -- Como você conseguiu isto? ...





No comments: