NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Thursday, December 17, 2015

DEUS NO COMANDO DE TUDO - V/03 -- P/ 26 - "A história do cristianismo revela momentos quando vidas foram sacrificadas por testemunharem de Jesus Cristo; o caso de Estevão, por exemplo, é marcado pelo seu compromisso com Jesus. Estava sempre pronto a falar aos outros toda verdade a respeito de Jesus, tinha prazer em testemunhar, era sincero e firme em suas decisões e por isto era cheio de graça e poder do Espírito Santo. E era poderoso em suas mensagens e temido pelos poderosos da época, pois mostrava as falhas e o pecado do povo e do governo"

              DEUS NO COMANDO DE TUDO

               VOLUME - 03  --  PARTE  --  26

 (Leia o final do texto anterior para dar sentido ao atual)

Cada um dos presentes mata a sua curiosidade ao ver as chagas de Jesus, mas se resignando, sempre com duvida, pois as alegrias que traziam em seus corações não os libertavam de seus pensamentos.
Para confirmar a veracidade das palavras de Jesus, Ele disse: Tendes aqui alguma coisa para se comer?
Então eles apresentaram parte de um peixe assado e favo de mel, e Jesus tomou, e comeu diante deles.
E faz questão em fazê-los recordar de suas palavras, quando ainda em seus sermões ele ensinava o povo, frisando bem que tudo teria que ter acontecido para assim cumprir toda a escritura, e o que estava escrito na lei de Moisés, e nos profetas e nos salmos.
Depois destas palavras, abriu-se o entendimento de todos; e Jesus completa, assim está escrito, e assim convinha que o Cristo padecesse, e ao terceiro dia ressuscitasse dos mortos.
E em seu nome pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados em todas as nações a começar por Jerusalém; e desta coisas, sois vós testemunhas.
E eis que sobre vos envio a promessa de meu Pai: ficai, porém na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestido de poder.
Ao terminar estas palavras Jesus sai para fora pedindo-os que o acompanhasse, até Betânia, e ali levantando as suas mãos em direção ao povo, os abençoou.
Aconteceu que, abençoando-os, Jesus se aparta deles e foi levado ao céu, e todos os presentes elevando suas mãos em direção a Jesus e via-o desaparecer de diante de seus olhos.
E adorando-o eles voltaram para Jerusalém com grande júbilo, e todos os dias iam para o templo para louvar e bem-dizer o nome do Deus vivo e poderoso que domina a terra, com justiça.

Jesus, foi, É, e será eternamente o nosso Deus. No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus e o Verbo era Deus.

                              --- EJO ----Continua



No comments: