NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Tuesday, May 16, 2017

A ESSÊNCIA DO AMOR - PARTE - 140


                              A ESSÊNCIA DO AMOR

                                       PARTE - 140 



                             A ORAÇÃO NÃO É OBRIGAÇÃO

Temos que elevar nossos corações e nossas mentes em oração, mas temos que evitar recitar formula decorada.
Tudo tem que partir do nosso coração da nossa consciência da nossa sinceridade, as palavras que saírem de nossos lábios, tem que ser simples natural e espontânea.
A oração não é obrigação, temos que ter prazer em falar com o nosso Deus, mesmo porque é um dos meios mais fáceis de comunicarmos com Ele.
Devemos orar fervorosamente sentindo sempre a presença de Deus atuando em nossas vidas, a nossa contrição tem que ser sincera e pura, sem qualquer desvio de sentimento.
Devemos fazer da oração um hábito, pois é indispensável para a nossa saúde espiritual.
O que não devemos é transformar nossas orações em atos repetitivo e insistentes, porque o nosso Deus sabe muito bem das nossas necessidades.
Precisamos orar sim, porque Deus quer que façamos a nossa parte, e humildemente reconhecer que, sem Ele não somos ninguém, e não somos nada.
A oração é o nosso meio de comunicação direta com o nosso Deus, não adianta interceder a outros.
Pois não há outro intermediário entre Deus e os homens a não ser através do nosso Senhor e salvador Jesus Cristo.

Quando orarmos, a nossa oração deve ser direta ao pai em nome de seu filho Jesus.

(Tradução a pedido)

LA ORACIÓN NO ES OBLIGACIÓN
Tenemos que elevar nuestros corazones y nuestras mentes en oración, pero tenemos que evitar recitar fórmula decorada.
Todo tiene que partir de nuestro corazón de nuestra conciencia de nuestra sinceridad, las palabras que salgan de nuestros labios, tiene que ser simple natural y espontánea.
La oración no es obligación, tenemos que tener placer en hablar con nuestro Dios, incluso porque es uno de los medios más fáciles de comunicarnos con Él.
Debemos orar fervorosamente sintiendo siempre la presencia de Dios actuando en nuestras vidas, nuestra contrición tiene que ser sincera y pura, sin ninguna desviación de sentimiento.
Debemos hacer de la oración un hábito, pues es indispensable para nuestra salud espiritual.
Lo que no debemos es transformar nuestras oraciones en actos repetitivos e insistentes, porque nuestro Dios sabe muy bien de nuestras necesidades.
Necesitamos orar sí, porque Dios quiere que hagamos nuestra parte, y humildemente reconocer que, sin Él, no somos nadie, y no somos nada.
La oración es nuestro medio de comunicación directa con nuestro Dios, no sirve interceder a otros.
Porque no hay otro intermediario entre Dios y los hombres excepto a través de nuestro Señor y salvador Jesucristo.
Cuando oramos, nuestra oración debe ser directa al padre en nombre de su hijo Jesús.

                        ---- EJO ----- Continua

No comments: