NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Wednesday, March 01, 2017

O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS -- P/108 -- "Belsazar, filho e herdeiro do trono do Rei Nabucodonosor, deu um banquete para mil convidados, escolhidos a dedo, manda que seus criados trouxessem os vasos de ouro e de prata, que seu pai Nabucodonosor, havia tirado do templo que estava em Jerusalém na casa de Deus. Depois de beberem nos vasos de ouro e de prata e depois de muita farra com suas concubinas, ofereceu culto a um deus pagão, feito à base de ouro, prata, cobre ferro, madeira e de pedra, mediante aquela farra toda, sem se importar com nenhum tipo de conseqüência"


        O PROPÓSITO E A PROVIDÊNCIA DE DEUS

                               PARTE - 108

Em homenage e reconhecimento pelos sacrifícios do povo sabendo se que Deus estava aprovando toda manifestação.
Salomão santifaca a aquela área do meio do pátio, enfrente ao templo do Senhor, para que dali por diante pudesse receber todas as as oferendas do povo pra casa do Senhor.
Os festejos duraram sete dias, e o povo não arredou o seu pé, permanecendo com o Rei naquela comemoração.
A multidão que com ele comemorava, estendia se desde a entrada da cidade, Hamate, até ao rio do Egito.
Todo povo tinha um carinho todo especial por Salomão, em vista de sua maneira de tratar e agir com as pessoas.
A sua vida foi composta de altos e baixos como a de seu pai Davi, e como Davi, Salomão teve suas falhas, e também como Davi ele jamais deixou de confiar em Deus e colocar as suas mazelas diante dEle, pedindo perdão sempre. Era fiel e justo para com Deus.
O tempo de vida de Salomão, foi como a de qualquer outro cidadão daquela época, seu reinado durou quarenta anos, mas cheio de grandes realizações.
Não foi por simples mérito que Salomão conseguiu conquistar a admirção do seu povo como também dos governos vizinhos.
Pois ele além de ser bem dotado em beleza, Deus o presenteo com sabedoria a ponto de a própria rainha de Sabá se apaixonar por ele.
Quando precisava de qualquer material, fosse lá o que fosse, madeiras, ouro, prata, bronze e muitos outros útencílios, ele os recebia com gratidão, eram tantos que dificultava fazer uma contabilidade de todas oferendas.
Enquanto o reinado de Israel estava sob os cuidados de Davi, e seu filho Salomão, o povo sabia andar na presença de Deus.
Depois que Robão filho de Salomão assumiu o poder, ouve uma degeneração do povo que começaram a constituir idolos para cultuarem, trazendo total desequilibrio no seu reinado a ponto de Deus castigar Robão severamente.
Jeroboão e seu povo havia sido expulso do reinado de Salomão, e se refugiou no Egito, mais tarde quando Salomão já não estava mais no poder, foram induzidos a voltar, contando certo que seriam recebidos pelo novo rei, filho de Salomão, no pretexto de serví-lo segundo suas exigências.
Como Robão não podia dar uma resposta de imediato, estipula um prazo de treis dias para a resposta.

E assim pede conselhos aos anciãos, pois naturalmente as pessoas mais idosa também tem mais experiências, e também conviveram com os problemas que causaram a expulsão daquele povo.

                      ---- EJO ---- Continua


No comments: