NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Thursday, March 03, 2016

DEUS NO COMANDO DE TUDO - V/03 - P/61 - "Temos que elevar nossos corações e nossas mentes em oração, mas temos que evitar recitar formulas decoradas. Tudo tem que partir do nosso coração da nossa consciência da nossa sinceridade, as palavras que saírem de nossos lábios, tem que ser simples natural e espontânea. A oração não é obrigação, temos que ter prazer em falar com o nosso Deus, mesmo porque é um dos meios mais fáceis de comunicarmos com ele."

                           DEUS NO COMANDO DE TUDO

                                VOLUME - 03 - PARTE - 61

Pedro continua com seu discurso: É necessário, pois que, dos varões que conviveram conosco, durante todo tempo em que o Senhor Jesus conviveu conosco desde a sua chegada até a sua saída de entre nós; a começar desde o batismo de João até ao dia em que dentre nós, foi recebido em cima, e que um dentre a multidão se destaque conosco em testemunhar a ressurreição de Jesus.
Da multidão se apresentaram dois: José que era também chamado como Barsabás, e que também era conhecido como o justo, e também Matias.
Orando, Pedro conclama ao Senhor; tu és Senhor conhecedor dos corações de todos, mostra-nos qual destes dois tens escolhido, para que tome parte deste ministério e apostolado, de que Judas se desviou, (ou seja, o cargo que Judas ocupava) para ir pro seu próprio lugar; (lugar escolhido por ele se afastando dos demais e se enveredando pelo caminho do mal).
Lançando sorte sobre os dois; Matias foi eleito com os votos dos onze apóstolos, que de agora em diante seria novamente doze ao todo.
Cumprindo-se os dias da festa por ocasião da páscoa, ainda estavam todos reunidos no mesmo lugar, e de repente veio do céu um som como de um vento muito forte veemente impetuoso e encheu toda casa, deixando a todos atônitos.
E naquele instante veio sobre eles línguas de fogo, passeando sobre cada um deles; e todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo concedia que falassem.
E em Jerusalém, estavam habitando judeus, varões religiosos de todas as nações que estão debaixo do céu. E correndo aquela voz, ajuntou-se uma multidão, e estavam confusos, porque cada um falava em sua própria lingual, (O inglês, falava inglês, o africano falava a sua língua de origem e assim como os demais de outros países fala a sua própria lingual)
E todos se pasmavam e se maravilhavam, dizendo uns aos outros, pois quê não são Galileus esses homens que estão falando?
Como pois os ouvimos cada um na sua própria língua em que fomos nascidos?
Todos que estavam ali naquele momento, não importavam de que nacionalidade seria; todos entendiam maravilhados pelo que o Espírito Santo de Deus estava revelando, mostrando a grandeza de Deus.

Os incrédulos ficavam na dúvida, e a pergunta batia em suas cabeças, mas o que será que estão falando, pra se comportarem deste jeito?

                                    --- EJO --- Continua



No comments: