NO PRINCÍPIO CRIOU DEUS OS CÉUS E A TERRA E TUDO O QUE NELE HÁ.

Monday, March 07, 2016

DEUS NO COMANDO DE TUDO - V/03 - P/63 "A oração é o nosso meio de comunicação direta com o nosso Deus, não adianta interceder a outros. Pois não há outro intermediário entre Deus e os homens a não ser através do nosso Senhor e salvador Jesus Cristo. Quando orarmos, a nossa oração deve ser direta ao pai em nome de seu filho Jesus. Quando pedirmos alguma coisa para nós, não podemos ser egoístas, devemos lembrar também de pedir para o nosso próximo, a começar dos mais próximos que são os nossos familiares. Quando oramos pedindo por alguém, estamos demonstrando o nosso amor por eles."

VOLUME - 03 - PARTE -- 63

O discurso de Pedro se prolongou até esclarecer tudo o que o povo precisava saber a respeito do reino de Deus, como também a respeito do sacrifício de Jesus na cruz; na sua ressurreição e no seu encontro com o Pai; tudo precisava ser entendido pelo povo para a salvação dos que acreditassem que o sacrifício de Jesus não teria sido em vão.
Deus já havia prometido a Davi, que do fruto dos seus lombos segundo a carne haveria de nascer o Cristo para assentar sobre o seu trono, e nenhum mal seria praticado por ele, e nem corrupção alguma praticaria.
Todos nós somos testemunhas de que Deus o ressuscitou de entre os mortos, e que Ele vive; é exaltado e colocado a direita de Deus.
 É importante notar que dentre os que crêem em Jesus, procuram estar sempre juntos, e compartilhando suas experiências, fazendo com que se torne em comum uns com os outros, mostrando o amor que necessitam ter para com o seu próximo.
Na concentração dos que ouviam o discurso de Pedro que tocou fundo em seus corações, todos se emocionaram em saber das necessidades de seus irmãos e decidiram em vender suas propriedades e fazendas para assim poder ajudar no que fossem necessário segundo a necessidade de cada um.
 A união dos que seguem verdadeiramente a Jesus é perseverante, e nunca se desviam de seus propósitos.
No caso especifico daqueles que estavam reunidos, ouvindo o discurso de Pedro, faziam questão de levar a diante a decisão em ajudar a quem era necessitado, e a partir daquele dia procuravam estar sempre juntos todos os dias no templo para repartir o que haviam arrecadado com a venda de seus pertences, e todos compartilhavam uns com os outros o que tinham trazido, com muita alegria e singeleza de coração.
Louvando e glorificando o nome do nosso Deus, sendo admirados pelo povo que presenciava sua ações, e muitos dos que vieram a esta concentração foram salvos.
Todos os dias o templo era aberto para visitação dos que criam nas palavras de Pedro a cerca de Jesus Cristo.
E em um destes dias quando Pedro e João subiam ao templo, para orar, um varão que desde o ventre de sua mãe era coxo era conduzido por alguém todos os dias para pedir esmola, à porta daquele templo que se chamava Formosa.
Pedro e João ao chegar foram abordados por ele com suas palavras de lamúria, pedindo esmolas.
A atenção dos dois a aquele jovem foi imediata, porém não atendendo ao pedido de esmolas, mas muito melhor que esmolas, olhando eles fixamente em seus olhos, disse: olha para nós, sem nada entender olhou na esperança de receber alguma coisa; como Pedro e João não tinham dinheiro; Pedro disse: não temos prata e nem ouro, mas o que temos isto podemos te dar: em nome de Jesus Cristo, levanta-te e anda.

Pedro estendeu a sua mão e o segurou pela sua mão direita, levantando o, fazendo o a ter confiança, e seus pés firmaram.

                                                -- EJO --- Continua



No comments: